quinta-feira, 10 de abril de 2014

A Culpa é Das Estrelas – John Green

Olha. Eu aqui, em um dia bem diferente. 
Bom, vamos falar de livro? 
O escolhido de hoje é A Culpa é Das Estrelas – John Green


Editora: Intrínseca
Ano: 2012
Páginas: 288



“Você vai rir, vai chorar e ainda vai querer mais” – Markus Zusak


Esse livro eu adquiri pelas críticas lidas em alguns blogs, e por falar de câncer. Fico mega deprimida com esse tema e com essa doença que consome as pessoas e as silenciam. Vivo das relações de “amor e ódio” com tudo que fala deste tema, pois mesmo sabendo que ficarei deprimida e que terei que conter as lágrimas para não chorar em uma sala de professores, ou no ônibus lotado, ou coisa parecida, continuo lendo, é como se fosse um ímã. Preciso ler. 
Como Hazel Grace fala, existem vários jeitos de contar uma história triste, e esse livro, bom, é top. Conta da melhor forma, com toda leveza que se pode ter ao falar desta doença e sobre a tragédia que é viver e amar.
Então vamos à sinopse.
“Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante – o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos -, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas de suas vidas”. 
No processo de descoberta na história de amor entre Hazel e Gus, Hazel se descobre como uma granada. Ela fala para Gus (Augustus Waters), que esta preste a explodir. Essa teoria de ser uma granada para alguém, chamou atenção, pois muitas vezes nós somos granadas, explodimos e quando não matamos  deixamos sequelas. E algumas vezes até escolhemos ser a granada. 
Dentre os vários personagens citados, um que merece destaque é o sarcástico Isaac, amigo do Gus, depois de ficar cego, ele fala para Hazel: “- Pois é. As pessoas ficam me dizendo que os outros sentidos vão ficar mais aguçados para compensar, mas ISSO OBVIAMENTE AINDA NÃO ACONTECEU. Oi, Hazel do Grupo de Apoio. Chegue mais perto para que eu possa examinar seu rosto com as mãos e enxergar sua alma com mais profundidade do que qualquer outro ser que tenha o dom da visão”.
O livro mostra um jeito juvenil de ver o mundo. Fala da morte e cita várias crenças no seu livro, fala do céu, do nada, de alma que fica pairando pelo mundo, e tal. Tudo meio sem sentido para os personagens principais.  
Sobre o nome do livro o autor fala através de uma carta, enviada pelo autor preferido do Gus e da Hazel, Peter Van Houten, que vem de uma citação de Shakespeare, onde ele fala que ele (Shakespeare) está totalmente equivocado ao fazer Cássio declarar: “A culpa, meu caro Bruto, não é de nossas estrelas / mas de nós mesmos”. Ele acrescenta que não há qualquer escassez de culpa em meio às nossas estrelas.
Sabe o que fica do livro? Que a vida é bem mais importante do que damos valor. Se você esta frequentando uma escola normal, se você consegue subir uma escada sem perder o folego literalmente no final dos degraus, você esta bem. As estatísticas falam que você ainda tem muito que viver. Mas o mais importante é viver os infinitos de cada dia.

 Até o próximo post... Beijos.

4 comentários:

  1. O livro do momento. Todo mundo lendo e comentando por causa do filme que vem aí.
    Eu li e até gostei, mas não chorei rios de lágrimas como muita gente.
    Vamos ver no cinema!
    Bj e fk c Deus.
    Nana
    http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita, eu não chorei, pois sempre que a lagrima vinha eu parava de ler. hehehehehe
      bjs volte sempre.

      Excluir
  2. Livro perfeito!!! Amei!!! Quase morri de tanto chorar rsrsrsr
    O filme também é lindo, mas me emocionei mais com o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei também, perfeito.
      Obrigada pela sua visita aqui no nosso espaço.
      Beijo Grande!

      Excluir

Sua opinião é muito importante para nós. Deixe um recadinho! Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...