terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

O Que Está Acontecendo com os Altos Executivos?


Olá Galera, tudo bem com vocês?
Saiu ontem (03.02.2013) uma reportagem no site do Terra ( leia aqui), intitulada “Morte de quatro banqueiros em uma semana perturba mercado financeiro”, é perturbador ver quatro homens bem sucedido, e com uma carreira profissional tirar a própria vida, o que está acontecendo?
Bem, talvez não tenhamos todas as respostas, mas temos evidencias do que pode levar pessoas a ceifarem a própria vida.
Segundo a reportagem a jornada de trabalho é exaustiva, certa vez lendo outro artigo na revista exame dos executivos mais bem sucedidos na época, o que menos trabalhava era 12 horas e o que mais trabalhava era 16 horas por dia, com jornadas tão opressoras, como homens de sucesso pode desfrutar do que conquistaram? Trabalhar é uma benção, e edifica a pessoa laboriosa, mas existem limites físicos e emocionais, quando estes são ultrapassados as pessoas entram em colapso e chega à conclusão que a melhor atitude é o suicídio.
Outro destaque na matéria é a pressão por resultados, os altos executivos são seduzidos a ter uma grande bonificação se alcançarem as metas, e diariamente são pressionados pelos acionistas, que querem maximizar o seu lucro, aonde isso leva? O resultado está no próprio artigo: se jogar da ponte, se o individuo não tem uma base familiar sólida e princípios religiosos, só resta a esse interromper a pressão sem precisar dar explicação.
Um fato curioso, o dono da companhia de um dos suicidas foi questionado sobre o caso, e esse disse que não se manifestaria (tá parecendo o Lula sobre o Mensalão), por que será? Já que ele não respondeu, vamos imaginar! Não precisa esforço, qualquer coisa que ele disser só iria complicar, ele teria que assumir o desejo de ganância, logo ficar em silêncio o tira do cenário.
Após ler isso, eu me perguntei, por que ou por quem eu trabalho? Eu trabalho por prazer e para manter a minha família dentro de um relativo conforto, logo, descobri que por ter uma visão Cristã, os meus bens (que são poucos, rsrsrsrsrs) não me trarão felicidades e não me tornarão um cidadão melhor, por isso eu fico com as admoestações/conselhos bíblicos:
“Que proveito tem o homem, de todo o seu trabalho, com que se fadiga debaixo do sol? Uma geração vai-se e outra geração vem, mas a terra permanece para sempre. O sol nasce. O sol se põe, e corre de volta ao seu lugar que nasce”. Eclesiastes 1:3-5
“Todas as coisas estão cheias de cansaço; ninguém o pode exprimir: os olhos não se fartam de ver, nem os ouvidos se enchem de ouvir. O que tem sido isso é o que há de ser; e o que se tem feito, isso se tornará a fazer; nada há que seja novo debaixo do sol.  Eclesiastes 1:8-9
“Portanto quer comais quer bebais, ou façais qualquer outra coisa, fazei tudo para glória de Deus”. I Corintios 10:31
Uma ótima semana a Todos e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós. Deixe um recadinho! Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...