segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Expressões interessantes: Tintim por tintim

E a expressão de hoje vem com a explicação nos mííííínimos detalhes... rsrs
A origem da popularíssima locução adverbial “tintim por tintim” – que, como se sabe, significa “nos mínimos detalhes, com minúcias” – está provavelmente ligada a uma imitação sonora. No caso, não de copos batendo, mas de moedas tilintando.
E o que moedas têm a ver com o sentido de “nos mínimos detalhes”? No século XIX, em seu livro “Origens de anexins”, o latinista Castro Lopes expôs a seguinte tese, que seria acolhida por João Ribeiro, Antenor Nascentes e a maioria dos estudiosos de expressões populares (releve-se a grafia tentim, que caiu em desuso):
Quem conta uma história ou narra um acontecimento tentim por tentim, faz como o que conta dinheiro de ouro ou prata, moeda por moeda; as quais, à medida que vão caindo umas sobre as outras, vão produzindo um som semelhante a estes monossílabos tim, tim; tim tim.
Imagem da internet
Ou seja: quem conta uma história “tintim por tintim” o faz com vagar e cuidado, como se contasse moedas, sem deixar escapar nenhuma minúcia, por menor que seja. Trata-se, é bom deixar claro, de uma tese – provável, mas não comprovada acima de qualquer dúvida.
O Houaiss registra que há quem derive a interjeição tintim de tsing-tsing, expressão do inglêspidgin falado na China – o que soa, convenhamos, um tanto viajante. E o próprio Castro Lopes oferece a seguinte explicação alternativa para “tintim por tintim”, deixando no ar algumas pistas de que é por esta que se inclinam suas simpatias: a de que tudo teria começado com o advérbio latino pedetentim (“pé ante pé, de mansinho”).

fonte: http://veja.abril.com.br/blog/sobre-palavras/consultorio/tintim-por-tintim-de-onde-saiu-isso/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós. Deixe um recadinho! Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...